5 de set de 2014

Vendedor de autopeças faz réplicas em papel de carros antigos

Luiz Miguel começou a fazer miniaturas há 11 anos 
e pretende divulgar arte.
Artesão trabalha por encomenda e faz 
nova base para cada veículo.


A criatividade é o meio de transporte preferido do vendedor de autopeças Luiz Miguel de Souza Romualdo. É com ela que há 11 anos ele volta no tempo e reproduz miniaturas de relíquias automotivas com base em papel kraft. O destino final são as estantes de colecionadores, que passaram a fazer pedidos e levaram o artesão a se aperfeiçoar para manter a fidelidade nos mínimos detalhes da parte mecânica e estrutura dos veículos.

A inspiração maior são sites e revistas especializados, mas ele afirma que a prática começou como diversão na infância. “Quando criança, eu moldava uns carrinhos e caminhõezinhos em arame de tela de galinheiro. Era estranho, mas me divertia. Depois comecei a fazer em cartolina: desenhava o carrinho inteiro e depois dobrava e colava, mas as miniaturas maiores eu comecei com 16 anos, quando eu trabalhava no comércio e pegava as embalagens para construir”, relatou.

Conciliando o artesanato com a profissão, ele afirma que há uma fila de encomendas que ainda estão na ponta do lápis. Por esse motivo, o trabalho é sinônimo de satisfação e aprendizado, e o dinheiro obtido é apenas um adicional para a renda.
“Não tenho renda fixa com os carrinhos. Dou o preço, mas na verdade faço as miniaturas por prazer. O custo de cada uma é de cerca de R$100. Em todas eu começo do zero e vou me aperfeiçoando a cada modelo”, disse.

Empresário Luiz Carlos exibe réplica em papel ao lado do Impala original

O empresário no setor de reparação automotiva, Luis Carlos Carvalho, teve a miniatura do Impala 65 confeccionada há oito anos. A arte se tornou enfeite dentro da relíquia, que Luis possui há mais 15 anos. Ele destaca que a ideia em ter o xodó em tamanho menor é para exibição.


Fonte: Portal G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário